5 dicas para economizar na compra de um imóvel

A crise econômica que passa o Brasil tem afastado a maioria dos brasileiros de dívidas grandes, como financiamento de imóveis, porém, com bom senso, economia e planejamento existe possibilidades de se fazer bons negócios. Uma atenção mais rígida também pode resultar em economia na compra que pode ser transformada em poupança, aplicação ou até uma reforma mais ampla.

Para ajudar você, novamente trazemos dicas importantes e fáceis de serem seguidas para que realize o sonho de seu imóvel próprio.

1) Com o dinheiro na mão, compare as taxas de juros antes de assinar com uma instituição financeira. A regra aqui é procurar outros bancos ou financiadoras, sempre comparando as taxas de juros, demais encargos cobrados e os prazos de pagamento. As vezes, a economia pode ser o valor de uma reforma maior, um grana extra para ser guardada etc.

2) Se não for pagar à vista, aumente consideravelmente a entrada porque apesar da tendência de queda da taxa de juros, no financiamento imobiliário a regra não se aplica devido a a uma série de fatores. Portanto, quanto maior o valor da entrada, menor será o restante a ser financiado. Uma boa ideia é usar seu saldo do FGTS ativo e inativo para o pagamento inicial.

3) Despesas em reformas devem ser incluídas no valor final do financiamento, por isso, é importante verificar com antecedência o estado de conservação do imóvel porque isso evita surpresas e dinheiro gasto com consertos não previstos que não deveriam ser realizados antes do tempo. Atenção especial para rede elétrica, hidráulica e impostos atrasados.

4) Para evitar surpresas e dor de cabeça, não comprometa mais de 30% da renda. Segundo especialistas em economia, é importante que o preço do imóvel adquirido seja condizente com a expectativa de renda nos anos seguintes de toda a família. As instituições podem realizar simulação das parcelas mensais durante todo o período do financiamento.

5) Uma planilha de gastos pode ajudar você mais do que imagina. Isso mesmo, economia só é possível quando se sabe onde está gastando. Anote tudo o que gastar, mas tudo mesmo. Com essa planilha ficará mais fácil identificar onde você está exagerando e o quanto poderá economizar. Acredite, você terá uma surpresa no final do mês.

Aproveite, baixe nosso e-book e confira ainda mais informações e dicas para aquisição do primeiro imóvel, aqui > Guia Completo da Compra de Imóveis

1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *