Como comprar imóvel financiado pelo banco?

Como comprar imóvel financiado?

Ao adquirir um imóvel, casa ou apartamento novo ou usado, o pagamento pode ser financiado.  Comprar imóvel financiado não é tão complicado. Entretanto, o processo burocrático pode assustar muita gente. Dessa forma, é fundamental ter conhecimento sobre o assunto e, além disso, contar com o acompanhamento de profissionais para garantir um negócio seguro.

Para quem busca um financiamento imobiliário, inicialmente, é possível simular financiamento com o gerente da instituição bancária escolhida ou através de sites que oferecem esse tipo de serviço (simulador de crédito habitacional ou simulador de financiamento).  É necessário verificar qual é a melhor forma de pagamento de acordo com a sua renda.

Muitas instituições bancárias oferecem financiamento de imóvel. A diferença que direcionará a escolha do banco são as condições de pagamento oferecidas, como as taxas de juros, a duração do contrato de financiamento e o quanto do imóvel pode ser financiado pela instituição.

A simulação a ser feita indica as categorias de financiamento de casa nas quais a pessoa se encaixa, o que influencia o valor máximo a ser financiado para comprar o imóvel e a taxa de juros a ser paga.

Um ponto importante é que o financiamento de imóveis está limitado a até 80% do preço do imóvel. Assim sendo, quanto menor a parcela financiada, menor será o gasto com juros. Portanto, é interessante saber o valor a ser dado de entrada no imóvel, o qual pode ser o dinheiro do FGTS (fundo de garantia por tempo de serviço) e/ou economias guardadas. Oferecendo uma boa entrada é possível negociar um desconto. No entanto, o valor da prestação não deve ultrapassar 30% da renda mensal.

Desde que o valor do bem não ultrapasse R$ 500 mil, o FGTS pode ser utilizado para reduzir o valor financiado ou para pagar integralmente o imóvel. Mas, para a obtenção deste benefício, a pessoa deve provar que trabalha há pelo menos três anos dentro do regime do FGTS e não pode possuir outro imóvel.

Documentação necessária para comprar imóvel financiado

Para comprar imóvel financiado, será necessário disponibilizar originais e cópias do RG e CPF (do casal, se for o caso) originais e cópias dos comprovantes de estado civil e de renda (extratos bancários, holerites, declaração completa do IR – imposto de renda – da pessoa ou casal).

No caso de autônomos, estes podem comprovar a renda através de contrato de prestação de serviço, declaração do IR, uma declaração do sindicato de sua categoria e o recibo de recebimentos por trabalhos prestados ou o Decore (declaração comprobatória de recepção de rendimentos) a ser realizada por um contador.

A comprovação de renda da pessoa interessada demonstrará a sua capacidade de pagar as prestações do financiamento, pois, como já informado, o valor das parcelas não pode ser maior do que 30% do total da renda familiar bruta.

Também é efetuada a verificação de nome no Serasa ou Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e, não existindo impedimentos, a liberação do crédito imobiliário é aprovada e o período de validade varia de acordo com o banco escolhido. É importante destacar que o dinheiro não é liberado neste momento.

Sistema de Juros

O interessado deve analisar a melhor forma de pagamento, considerando seu orçamento mensal. Referente aos sistemas de juros, há duas tabelas que são as mais utilizadas para estabelecer o valor da prestação, a serem definidas pelo banco e cliente: a tabela Price (Sistema Francês de Amortização) e a tabela SAC (Sistema de Amortização Constante).

A Price utiliza juros compostos e o valor da parcela é fixo. Para obter o valor da amortização subtraem-se os juros da prestação. Já a tabela SAC, a mais utilizada atualmente, possui o valor da parcela decrescente e o saldo devedor é amortizado constantemente. A prestação inicial pela tabela SAC é maior do que na tabela Price.

Procurando o imóvel para morar

Após ter conhecimento do valor que se pode pagar para a compra do tão sonhado imóvel é o momento de procurá-lo!

Portanto, no que se refere a imóveis, não hesite em contatar uma imobiliária séria e conceituada na hora de fazer negócio, pois, só assim, você terá a tranquilidade de saber que a sua negociação está sob a gestão de profissionais da área, garantindo o sucesso e a sua satisfação.

O imóvel escolhido será avaliado pelo banco, através de uma empresa, engenheiro ou arquiteto, confirmando o valor. Em seguida, após a aprovação do imóvel pelo banco, este elabora um contrato, para a assinatura de comprador e vendedor, que deve ser registrado pelo comprador no Cartório de Registro de Imóveis e levado à agência bancária. Após esse procedimento, é liberado o crédito e o vendedor do imóvel é pago. Em seguida, o comprador inicia o pagamento mensal das prestações do financiamento imobiliário.

Por fim, de acordo com o prazo estipulado entre comprador e vendedor, o comprador recebe as chaves de sua nova casa. O imóvel adquirido fica ligado à pessoa que o comprou, não podendo ser negociado enquanto o financiamento de imóvel, a dívida realizada com o banco, ainda não estiver pago.

 

Resumo das etapas de como comprar imóvel financiado

  1. O interessado deve escolher o banco com as melhores condições de pagamento e preencher a proposta de financiamento imobiliário com o banco;
  2. O banco analisará a capacidade de pagamento do interessado;
  3. Após ter conhecimento do valor que se pode pagar, deve-se escolher o imóvel;
  4. O banco encaminhará um especialista para vistoriar o imóvel escolhido;
  5. Após a vistoria do banco, todos os documentos do comprador e vendedor precisam ser apresentados;
  6. Será feita uma análise da documentação, confirmando a não existência de riscos na compra do imóvel;
  7. Um contrato particular de compra e venda com financiamento será emitido pelo banco para a assinatura de ambas as partes interessadas;
  8. O ITBI (Imposto de Transmissão de Bens e Imóveis – alíquota determinada pelos municípios) deve ser pago pelo comprador que também levará o contrato para o Cartório de Registro de Imóveis para fazer o registro da confirmação da compra;
  9. Em seguida, o comprador enviará uma via do contrato registrado ao banco a fim de que o banco libere o financiamento de para o vendedor;
  10. Finalmente, dentro do prazo acordado entre as partes, o comprador adquire as chaves do de seu novo imóvel.

PS: Criei um post especial sobre Comprar ou alugar um imóvel? veja as vantagens e desvantagens em cada situação.

1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *